Educação sexual na Alemanha

Conforme havia prometido, segue imagem de livro didático alemão sobre educação sexual.
“Mamãe, de onde vem os bebês?”

7 Respostas to “Educação sexual na Alemanha”

  1. Ananke Says:

    E a versão do parto cesariana, tem?

  2. Em uma cesariana:
    – Estripam sua mulher na sua frente;
    – Usam as duas mãos para alargar o buraco (tipo quando metemos os dedos em uma embalagem plástica para rasgá-la);
    – Puxam seu rebendo, imundo de sangue e sebo, pra fora;
    – Puxam a imensa placenta (parece um cérebro, só que vermelho escuro);
    – Colocam o útero dela pra fora (esse parece um fígado imenso), costuram, e depois enfiam pra dentro e costuram o buraco.

    Eu sei, eu vi. E enquanto fazem essa carnificina toda, os médicos fazem piada e conversam entre si.

    Isso não daria um livrinho educativo, e sim um filme de terror.

    Repararam que na Alemanha, o médico não faz nada na hora do parto, além de ficar ao lado da mãe sorrindo? A criança nasce sozinha! E ainda chamam de sistema de saúde de 1º mundo?

    • Mas o que eu achei legal mesmo foi o médico segurando (aparentemente) um martelinho de medir reflexos . Fiquei me perguntando pra que!

      • PHYODA Says:

        e depois um estetoscópio… interessante…
        depois a criança fica confusa por causa dos livros didáticos…
        Mec neles galera!

    • Ananke Says:

      E você aguentou firme e forte fazendo cara de paisagem, Zão?
      É tão inspirador, né? Imagens para se guardar pra sempre.
      Eu particularmente não vi nada disso porque tinha um pano verde na minha frente…

  3. Aguentei, e ainda fiz piada. Minha lady troll disse que estava sentindo um certo desconforto, só que do outro lado do pano, estavam com o útero dela pra fora, saindo de um abdomêm estripado, e metendo agulhas nele. Ela devia dar graças a Sauron pela anestesia. Os médicos gostaram e começaram a me mostrar o que eram as trompas de Falópio. Aí resolvi sair pra ver minha filha, e peguei enfermeiras enfiando uma agulha do tamanho do meu cúbito em sua coxinha recém-nascida. e pingando uma coisa amarelada em seus olhinhos e genitais. Crueldade, pura crueldade.

    Esse pessoal da área de saúde, em outra cultura, seriam assassinos seriais, carrascos ou soldados da SS. Na nossa cultura moderna, viram médicos e enfermeiras.

  4. Marcacos Says:

    LoL, isso é Kama Sutra do jardim de infância, aposto que vem com o lindo título: “primeira posição” (>_<)
    Acho que o martelo do "doutor-cara-de-zen-que-não-ajuda-em-nada" é pra fazer os "exames preliminares" na cabeça do bebê…
    hehehe, tô só brincando

    P.s.: Confessa Zão, o que te assustou foi que os médicos e as enfermeiras fizeram tudo isso com tanta naturalidade, que pareceu que estripar pessoas é normal pra eles, não foi?
    E eu concordo com você, fazer piadinhas até que vai, mas dar uma aula de anatomia usando sua mulher, aí já é um abuso! Tem que ter sangue de barata pra passar por tudo isso sem perder a cabeça…

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: