A arma definitiva contra o terrorismo

Todos aqui já ouviram falar de Sigmund Freud, o pai da psicanálise. Suas teorias sobre a mente humana são amplamente conhecidas e estudadas, ele pode ser considerado, juntamente com nomes com Darwin, Copérnico, um dos que revolucionou o conhecimento humano.

O avançado conhecimento de Freud sobre a mente humana o permitia, em frações de segundo, analisar e manipular qualquer pessoa. Dentre os estudiosos de sua vida, nenhum duvida que o psicanalista poderia facilmente acabar (ou começar) com uma guerra com apenas algumas palavras. Mas o que muitos não sabem é que Freud também cultivava intenso exercício físico (o que o colocava no topo da capacidade humana), bem como era extremamente habilidoso em artes marciais (me refiro a boxe e wrestling, coisa de macho, não essas artes marciais frutas lá do oriente). A junção desses fatores tornam o pai da psicanálise o guerreiro perfeito para combater as maiores atrocidades do mundo. Uma pena que ele não esteja mais entre nós, ou seria de grande valia para a paz mundial. Seguem abaixo apenas algumas hipóteses de como seria a atuação do bravo cientista ante os problemas da atualidade:

Que seja deixado para a imaginação de cada um o destino de Osama nas mãos do Pai da Psicanálise.

6 Respostas to “A arma definitiva contra o terrorismo”

  1. Darth Pinto Says:

    Infiel com acento agudo foi foda…

  2. É um fundamentalista árabe em pleno Oriente Médio. Ele (e Freud também, por sinal) já fala português, e você ainda quer que fale certinho?

    Aliás, Darth, o Pinto em seu nome é uma forma de manter sempre próxima a lembrança do pênis de teu pai, ja?

  3. Darth Pinto Says:

    Se não fosse meu sobrenome, poderia até ser…
    O Rocco antes já fez beicinho e apagou comentário por envolverem família aqui. Então se não quiser ouvir o que já mostrou que não aguenta, fica na tua.
    Pra quê esta violência? Algo não resolvido aí?

  4. Rocco Says:

    Calma jovens…

    A referencia paterna neste caso foi em virtude do assunto do Post, nada pessoal.

    Mas, de fato, a citação de parentes é perigosa, afinal, não conhecemos a realidade de cada um.

    Abs

  5. Rocco Says:

    Esses quadrinhos são maneiros! Onde você os obteve, Zão?

  6. Boko Moko Says:

    “aquela é a porra de um pênis, seu doente de merda…”

    Sensacional! huahuahuahuahua

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: